Espaço Saúde: Junho Vermelho – Doar sangue é um ato de cidadania

O mês de junho é dedicado a conscientizar e incentivar a população sobre a importância de doar sangue. A campanha Junho Vermelho acontece em um período crítico para o Banco de Sangue de São José dos Campos, que registra queda nas doações devido às baixas temperaturas e à alta incidência das doenças típicas do inverno, como resfriados, gripes, rinites e bronquites, que impedem a doação temporariamente.

Em 14 de junho, comemoramos também o Dia Mundial do Doador de Sangue, uma boa oportunidade para mantermos o tema da doação em evidência e agradecermos aos cidadãos que, anonimamente, salvam vidas sem nada receber em troca.

Ninguém está livre de precisar de uma transfusão. Quem já esteve do outro lado, como receptor de sangue, sabe muito bem o significado da doação. Como não existe sangue artificial e nada substitui o sangue verdadeiro, quem precisa de transfusão tem que contar, necessariamente, com a boa vontade dos doadores.  

A maioria das pessoas pode doar sangue. Os requisitos básicos são ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha acontecido até os 60 anos. Jovens com 16 e 17 anos também podem doar com a autorização de um dos responsáveis. Também é necessário apresentar um documento oficial com foto, pesar no mínimo 50 kg, ter dormido no mínimo 6 horas e não estar em jejum, evitando apenas alimentos gordurosos, leite e seus derivados.

Neste mês dedicado à solidariedade e à empatia, te convido a se tornar um doador. Venha fazer parte desse grupo de pessoas que fazem o bem. Doar sangue é um gesto simples, rápido e seguro que será fundamental para o tratamento e salvar a vida de alguém. Faça parte você também desse grupo de pessoas que salvam vidas!

 

ATENÇÃO: Somente médicos devidamente habilitados podem diagnosticar doenças e indicar tratamentos. As informações disponíveis no site da Santa Casa de São José dos Campos possuem apenas caráter educativo.

Médico responsável: Dr. Marcelo Romanelli, CRM: 95898-SP, hemoterapeuta da Santa Casa de São José dos Campos.

Diretor técnico: Dr. Danilo Stanzani Júnior – CRM 81365-SP.

Regras de Visitação

A quantidade máxima de visitantes por instituição solicitante é de 3 (três) pessoas.
Não é permitido fotografar e/ou as instalações, exceto o registro de fotos nas dependências do auditório, durante a apresentação inicial.
Não é permitido copiar e disponibilizar documentos sem autorização.
Duração da visita: 30 minutos de apresentação geral e 1 hora de visitação as áreas

Observações

  • O envio do formulário preenchido não caracteriza o agendamento da visita, sendo necessário aguardar o e-mail de confirmação da mesma.
  • A instituição se reserva ao direito de limitar o número de visitantes e alterar o roteiro de visitação conforme características do setor, sem aviso prévio